Dicas: Como ter um bom blog?



Como ter um bom blog?

Existem milhares de outros blogs que postam respostas a esse dilema (até mesmo nós já fizemos isso de forma irônica), mas nunca colocamos de modo sério, a ponto de a pessoa ler e levar algo em prática. Para evitar chover no molhado ou falar do mesmo tema nunca o abordei. Até hoje. Depois de alguns anos postando e fazendo blogs, desde 2003 (como podem ver no meu perfil), hoje em dia acredito ter chegado num ponto de equílibrio que me permita falar do tema.

Para evitar falar muito, dividi em tópicos, e apesar de utilizar números não quer dizer que o 1 seja mais importante que o 10, foi apenas optado por questões de organização.

Sem enrolar muito...

Dicas para ter um Bom Blog Bom (ou BBB):

1- Poste muito, de preferência diariamente.
Não faça do seu blog um local onde você posta duas vezes por mês e espera que visitem todo dia. O público não se torna fiel porque você postou duas vezes em janeiro, uma em março e depois apenas em dezembro. Se não houver continuidade ou ao menos um compromisso com o leitor, você fica para trás. Blogs não são sites estáticos.

2- Dê estilo a seu blog, preferencialmente o seu.
Você tem uma cara, uma maneira de dizer que é só sua. Não tente ser um ateu falando de Deus como se fosse evangélico, ou católico falando de judeu. Fale não daquilo que entende, mas daquilo que gosta. As pessoas percebem quando você está fingindo, qualquer um percebe. E quando sabem disso, não voltam nunca mais. Geralmente depois de um tempo nem você vai voltar a postar.

3- Seja original.
Nada de copiar conteúdo de outros sites, vão descobrir e vão te queimar. Seja com os mecanismos de busca ou com o provedor que te armazena. Credibilidade de um site é algo que só se perde uma vez. Internautas são implacáveis com sites que perdem credibilidade.

4- Saiba como divulgar.
As pessoas apesar de parecerem idiotas, e muitas serem, não gostam de ter isso esfregado em suas caras. Se você enfia sua publicidade (spam) em um tópico de fóruns, comunidades de redes de relacionamento ou mesmo no convite de casamento, não vai induzir os leitores a visitarem seu blog. A grande maioria absoluta irá, na melhor das hipóteses, te ignorar, na pior te excluem da lista de conhecidos/amigos. Para divulgação, existem áreas específicas para isso. Use-as com sabedoria.

5- Tenha um layout compreensível e fácil de entender.
O diferente é bonito, é belo. Mas ter um layout onde a pessoa tem que descobrir tudo só enche a paciência. Dessa remoto a anos atrás, quando fiz curso de informática, e meus professores diziam: "quando você faz uma página tem que pensar em quem acessa, não em você. E a grande maioria não identifica novidades ousadas demais". Inovar não é pegar um link fundamental e colocá-lo oculto sobre um flash bonito e nada funcional. Se houver dificuldades de navegação a pessoa vai embora e não volta mais em pouco mais de dez segundos, e isso inclui o tempo de carregamento da página. Simples assim. Inove em cima do formato tradicional, faça pequenas mudanças e se quiser correr o risco de efetuar algo novo, saiba do risco.

6- Mais importante que visitação são o Tempo de Permanência e a Taxa de Rejeição.
Tempo de permanência indica quanto tempo as pessoas perdem em seu blog. Taxa de rejeição indica o que realmente fazem. Se olham e lêem algo - que seja apenas o título, ainda é ler. - ou se simplesmente fecham a página e não voltam. Você descobre esses dados em: Google Analytics.

7- Seja coerente.
Não entre na onda, não defenda hoje a coca-cola para meses depois atacar. A não ser que faça isso de modo inteligente - dando os motivos de antes e depois. -, mudar de opinião de acordo com a maioria (ou porque dormiu gostando de chocolate e acordou sempre odiando) não funciona quando alguém interessado em barracos pode simplesmente abrir seu histórico de mensagens e retirar um trecho que te faça parecer idiota. Se for fazer, saiba como fazer. Diga o porque de ter mudado de opinião, não simplesmente ataque ou debata sem algum fundamento assuntos previamente postados. Não serão os leitores que serão taxados de idiotas, mas sim quem posta.

8- Tenha um bom relacionamento com quem é mais antigo que você.
Não é porque existem blogs mais famosos que o seu, ainda com assuntos que julgue os seus superiores, que vai se considerar melhor que o outro. Quem decide quem é bom em um meio aberto como a internet não é quem publica, mas quem lê. Não adianta fazer postagens questionando o trabalho de outros como o Arthurius, o Rob Gordon, o Cardoso e outros blogueiros mais antigos. Claro que obterá acessos e comentários bem ardorosos, mas depois disso a grande maioria das pessoas não volta. Existem problemas entre os blogueiros? Claro, como em toda a sociedade. Mas se fizer de seu blog esse tema de ataques, esteja ciente dos riscos que pode correr, tanto na net quanto judicialmente.

9 - Blogs não são "apenas blogs", são sites.
Essa é uma coisa que quase todo blogueiro esquece. Antes de ser o que dizem ser, blogs são sites como outro qualquer. São dados em códigos de programação (HTML, XML, PHP, ASP, etc) cuja diferença está apenas na característica "diário" ou forma de uso. Mas ainda assim um blog é um site como outro qualquer. Nunca se esqueça disso.

10- Evite usar material ilegal.
Se quiser usar, use. Mas não será lembrado pelo que é, mas pelo que fornece. A curto prazo, você vai ter muitas visitas procurando fotos peladas ou qualquer coisa que coloque. Mas a concorrência nesse meio é desigual, ilegal e danosa. Não existe essa história de "só linko os arquivos", divulgar também é crime a não ser o que prejudicado não se julgue desse jeito e não denuncie, mas aí já deixa de ser ilegal. Existem diversos mecanismos de denúncia que podem te fazer perder o blog em poucas horas, pois quem hospeda geralmente não quer esse tipo de problema. A longo prazo, a PF irá em sua casa nos piores casos, como aconteceu e foi noticiado diversas vezes durante 2007. A interpretação dos blogs como algo pessoal vai te atingir em dobro se abrir um desse tipo.

11- Escreva em português ou na linguagem de seu nicho.
Se você é fanático por futebol e quer fazer um blog para pessoas como você, para seus amigos ou sua torcida, nada de mal em utilizar suas gírias internas ou da sua cidade. Agora, quando quiser que seu blog se torne referência no assunto, ter uma opinião que seja lida em todo o mundo e não apenas no seu mundo, pense duas vezes antes de ao menos não passar o corretor ortográfico do Word ou algum outro antes de publicar. Se você escreve de forma incompreensível a todos, as pessoas não irão ler. O mesmo vale para erros de concordância. Você pode até assassinar a gramática quando escreve "axim", mas pior que não entender o que se escreve é não entender o que se quer dizer. E esse erro nenhum corretor ortográfico resolve.

12- Pense duas vezes antes de falar do ambiente profissional (ou escolar):
É uma realidade. Se você tem internet, seu chefe tem, seus amigos de escola ou mesmo aquele traficante da boca ao lado da sua casa têm. Se você publicar algo que seja, digamos, ofensivo a um desses grupos você vai ter uma resposta a altura seja no mesmo meio ou manifestando-se na forma de uma justa causa, um processo, uma surra ou mesmo execução. Se vai dizer que seu chefe é um idiota, saiba que ele vai te processar, te demitir, te surrar ou todos esses de uma vez. O mesmo vale para quem faz blogs para falar de coisas da escola e PRINCIPALMENTE se passar pela sua cabeça falar algo da boca fumo da sua comunidade ou de alguém ligado a essa. A não ser que tenha as costas quentes - e isso não te dá peito de aço, dependendo do caso. - ou faça um perfil anônimo com esse propósito, mantenha-o MUITO BEM anônimo e prepare-se para o dia em que for descoberto. Esse dia virá e blogs destinados a arte do barraco costumam ter vida curta. Vida famosa, mas curta. E dependendo da situação, os blogueiros donos também.

13- Deixe o foco surgir.
Não adianta criar um blog hoje e amanhã dizer que é sobre política. A não ser que seja proveniente de uma experiência anterior, você só vai saber do que gosta realmente de falar quando tiver pelo menos uns três meses de blog. Caso contrário corre o risco de ser mal interpretado e acabar queimado antes mesmo de ter começado.

14- Sabia quando divulgar.
Você foi lá no blogger.com, no Wordpress, no blogger.com.br ou em algum outro do tipo. Fez seu layout, ou escolheu, fez o post inicial. Ficou legal, conseguiu ler, mostrou para algum amigo/parente/namorada. Está lá, prontinho. Vai fazer o que agora? Divulgar! ERRADO. Você vai continuar postando, vai manter um ritmo de postagens, vai fazer como disse nos itens acima, identificará o perfil de seu blog. Quando tiver uma história, ainda que desconhecida, começe a divulgar.

15- Engula o orgulho.
Todo mundo é orgulhoso. Só os muito orgulhosos não assumem. Se você quer fazer sucesso, sabia que o sucesso inclui problemas. Problemas são desde comentários vazios resultantes de alguma divulgação ou mesmo ofensas, e o principal ter que submeter a coisas ruins (como ter que socializar com a blogosfera ou participar de jogos problemáticos em redutos do meio ou fora dele). Se não gosta de ser contrariado, não permita que comentem, pois existem opiniões contrárias e elas vão em algum momento te atingir. Ainda mais aquelas que te julgam. E se for responder, pondere se vale a pena responder ou ser educado. Existem ofensas que merecem respostas e ofensas que merecem o silêncio.

16- As pessoas não forçadas a nada.
Existem formas de divulgar, e a não ser que nelas esteja incluída que comentem (como alguns jogos de orkut), não é porque atualizou hoje seu post sobre o Exalta Samba que seu amigo do msn/icq/etc metaleiro tem que ler e opinar a respeito. Cai no item a respeito de saber divulgar, mas é sempre bom enfocar esse pequeno detalhe e também importante.

17- Seja honesto, mas não perca a ternura.
Não tente enganar, não tente se enganar. Não coloque dados que não existem ou invente situações fantasiosas em cima de coisas reais quando for falar delas. Uma coisa é dar opinião, outra é mentir em cima de fatos. A não ser que o objetivo de seu blog seja algo relacionado a humor, e todos perceberão ou tem que perceber, parecer ser desonesto é ruim. E quando digo ser honesto, incluo na lista ser honesto em jogos online, quando divulgar, quando falar de alguém. Mas ser honesto não significa ser truculento.

Enfim, são essas as dicas que passaram pela minha cabeça... Por enquanto são dezessete, se surgirem algumas ou se quiserem adicionar alguma, são livres. =p

Colocarei aqui com os devidos créditos, claro.

28 comentários:

  1. Mto boa as dicas!!
    Vou seguir!
    heeheh

    ABraços e confira o meu blog depois!!

    ResponderExcluir
  2. Antes de mais nada, valeu pela citação.

    Enfim, já li inúmeros manuais e compêndios de dicas para se criar um bom blog. Talvez já tenha lido até alguns completos como esse, mas nunca tinha lido um tão realista.

    Fiquei com a impressão de que as pessoas que dão dicas para se ter um bom blog, não tem blog. Essas suas dicas ficam óbvias que é um blogueiro que escreveu.

    Quer um exemplo? "você só vai saber do que gosta realmente de falar quando tiver pelo menos uns três meses de blog". Nada é mais verdade que isso.

    Cara, isso merece ser divulgado nas comunidades que a gente participa. Fala com os moderadores. Tem, desde já, meu apoio.

    Abração

    ResponderExcluir
  3. Opa!!!

    vou ter que dar uma lida com mais calma pra por em pratica suas dicas que eu agradeço elas, to no inicio do meu Blog e acho que dicas sempre sera bem vindo

    abraço e parabens pelo Blog

    ResponderExcluir
  4. Dragus, sensacional a tua lista de dicas...

    E olhe q coisa... Eu fiz ontem 3 meses de blog e é isso mesmo q vc falou, cara... A gente começa a determinar o que é melhor p/ se escrever e discutir...

    Um abraço!!

    ResponderExcluir
  5. ola Dragus, gostei muiti do que escreveu, foi muito instrutivo para mim pois sou iniciante tambm, vi varias pessoas ensinarem a fazer um blog, mas nunca vi alguem que entenda tanto do assunto como você, desde já agradeço muito as dicas e vou pô-las em pratica se puder analiza um pouco o meu, obrigado
    http://youngworld.blig.ig.com.br
    ja adicionei o seu aos meus favoritos

    ResponderExcluir
  6. lol

    Não sei como mais li tudo ATÉ O FINAL.

    Apesar de não ter 2 MESES, meu blog já tem tudo isso e mais de 70 visitas por dia

    xD

    Abraços.

    ResponderExcluir
  7. gostei das dicas eu tenho errado em algumas coisa mas tenho me saido bem. ]
    valew pelos toques

    abraçõa

    ResponderExcluir
  8. Adorei suas dicas.... um ótimo ponto de referência pra quem ta começando assim como eu... rsrs
    Mas ser confusa é uma marca minha... uma hora escrevo poesia, em outra um disertação... um conto... em outra um cômico relato da minha própria vida... ter tantos estilos de textos assim num blog é ruim??
    acho que tudo depende da forma em que se trabalha certo?? acho que isso acaba virando um padrão ou algo assim... vamos ver daki a três meses...rrsrs..
    :)

    valeu pelas dicas..

    abraços...


    adorei aqui!! :)

    ResponderExcluir
  9. Ótima elucidação das ferramentas e dos blogs. Li tudo!

    ResponderExcluir
  10. Ótimas dicas.
    E acrescento que escrever claramente é mais importante que observar detalhes da Língua. E quando digo "detalhes", digo literalmente. São pormenores, insignificâncias. Acredito que o mais importante, num blog, é a comunicação com o leitor.
    Vc está certo.

    É isso.

    ResponderExcluir
  11. Ótima postagem com diversas dicas, muitas delas a maioria dos blogueiros seguem.

    ResponderExcluir
  12. Muito bom! Bem esclarecido, tudo e tal..

    Se uma pequena parte dos blogueiros de férias já lerem isso e usarem em sua vida de blogueiro, talvez lá pelos fins de março tenhamos alguns bons blogs sobrevivendo às férias..

    o/

    ResponderExcluir
  13. Orra Dragus, eu segui teu tutorial antes mesmo dele ser criado. =D

    Postei 4 vezes diárias por um mês até começar a divulgação.

    Hoje, beirando o quarto mês o blog só cresce. =D

    Procuro sempre postar algo original, piadas próprias ou traduzidas, já que não é todo mundo que entende inglês ou visita blogs americanos.

    Ótimo tutorial, leiam com cuidado crianças e vocês se darão bem. =)

    ResponderExcluir
  14. Passei pra deixar um beijinho e dar uma espiada e ganhei uma AULA! Eu que nunca me considerei blogueira, pois, apesar de postar, agora é que começei a fazer contatos com outras pessoas que tem blogs, recebi esse texto como um presente... nem tudo eu estava fazendo certinho, mas vou corrigir agora mesmo. Originalidade eu tenho, me falta conhecimento neste mundo... to pegando.
    Obrigada mesmo.

    ResponderExcluir
  15. Bastante úteis e inteligentes suas dicas. Se eu quiser que meu blog seja popular, eu poderia usá-las como um manual de instruções. =P

    São bastante coerentes. Meu blog não tem muitos comentários porque não posto sempre. Geralmente uma vez por semana, mas com alguns dias de sumiço. Eu não teria paciência nem criatividade para escrever todos os dias.

    Um coisa que me incomoda é o público que "lê", assim como diz essa sua caixa de comentários: "Se não vai ler, porque comenta?"

    São pessoas que fazem blogues por fazer e que não são capazes de entender os textos dos outros. Prefiro que meu blog tenha postagens longas de alguém que entendeu ao invés de várias com mensagens curtas do tipo "legal seu blog, parabéns". Coisa de gente imbecil...

    Mas acredito que o tempo vai passando, os leitores fiéis ficando e o nível do blog aumenta.

    ResponderExcluir
  16. pra criar blog todo mundo cria, kero ver pra ganhar na mega sena e comer a luana piovani hahahaha

    mas as dicas sao otimas, algumas eu seguia, outras nao heh

    abraço

    ResponderExcluir
  17. boas dicas...
    :)
    bjuxxxxxxxxxx

    ResponderExcluir
  18. Oi, Dragus! Fazia um tempinho que eu não comentava aqui, né?
    Muito boas suas dicas, concordo com elas. Tudo bem, eu admito que já dei uma malhada na minha chefe lá no blog, mas ela não sabe nem abrir o explorer, então tô tranqüila!
    Rsssss!
    Um Feliz 2008 para vocês.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  19. Além do texto, sempre gosto de ler os comentários acima antes de fazer o meu. E é verdade o que dizem sobre os comentários que recebemos; é preferível ter dois deles, mas que contenham conteúdo, a uma dúzia de comentários totalmente sem nexo ou pobres de análise e conteúdo. É até por isso que em meu blog comentários são "análises (ou não)".

    Mas indo ao que interessa, essas dicas, todas as 17, são realmente fantásticas. Para quem ainda está iniciando na blogosfera, como eu, esse manual são bastante úteis. O sujeito que segui-las terá grandes chances de ter um blog nota 10.

    Agora, se me permite um pitaco, faltou colocar o fator sorte. Não que ela interfira totalmente no sucesso do trabalho, mas a sua falta acaba com todas as dicas acima.

    Bem, valeu!

    ResponderExcluir
  20. Pensamento nada equivocado, eu diria.
    Não são dicas difíceis de se cumprir, erros ortográficos acontecem e até fico envergonhada qndo alguém me corrige.
    Pra mim, o passo mais complicado é postar todos os dias.

    ResponderExcluir
  21. Sou novato no ramo de blog e creio que suas dicas serão de tremenda utilidade para mim .Agradeço pelo bem elaborado post.

    ResponderExcluir
  22. Olá segui suas dicas, não recebi nenhum comentário no meeu blog, mas não esquento porque meu blog não tem 1 Mês ainda

    ResponderExcluir
  23. Gostei das dicas. Eu tinha feito um blog em feveveiro, mas com a correria do dia a dia larguei.. Com suas dicas resolvi recriá-lo! Muito Obrigada!

    ResponderExcluir
  24. Boas essas dicas tuas... estava procurando pois fiz um blog há 2 semanas, mas suas dicas foram simples e diretas.
    www.colunalegal.com.br

    ResponderExcluir
  25. muito bom, voce me ajudou mto e além do mais vc ta completamente certo!!!

    ResponderExcluir
  26. Gostei muito da forma clara, direta e objetiva em que aborda o tema, vou seguir suas dicas. Valeu!!!

    ResponderExcluir
  27. Gostei muito das dicas.
    Sou muito nova neste mundo,e estou sempre lendo este tipo de post,pois um grande medo que tenho è que minhas palavras sejam distorcidas ou mau interpretadas.
    E acho q educação e repeito com seu leitor realmente tem que vir em primeiro lugar.
    Afinal ele è sua maior fonte de divulgação.
    Parabens por fornecer òtimas dicas
    http://www.segredosdajana.com.br

    ResponderExcluir

Cuidado com sua postura ao comentar:
A responsabilidade pelas opiniões expostas nessa área é de de seus respectivos comentaristas, não necessariamente expressando a opinião da equipe do Pensamentos Equivocados.