[Listas] Coisas Que Levarei Ao Túmulo.

Cedendo a um impulso que dura alguns meses, e influenciado pelo Rob Gordon e pelo Buchecha decidi ceder a esse impulso terrível que todo blogueiro possui em possuir (com duplo sentido) uma lista... Pensei em qual seria o tema dessa vez, e na falta de algo mais criativo, decidi fazer uma lista de coisas que não quero que os encarregados por meu empacotamento coloquem em meu caixão...

COISAS QUE LEVAREI PRO TÚMULO:

1- Roupas Novas.


Existe algo mais desagradável do que ser enterrado nú sim, ser enterrado após tomar viagra...? Ou pior, ser enterrado com alguma vestimenta qualquer que provavelmente serão mais velhas do que serei ao morrer? Não desejo de forma alguma que minha morte seja associada a termos como "coitado, que roupa horrorosa" ou "nossa, como morreu pobre...". Se puder ser enterrado com um terno Vila Romana ou Giovanni fico feliz... Se for o da C&A serve. E se couber em mim, um tanto melhor.

2- Um bom livro.


Gosto de ler. Acredito que quando estiver morto continuarei gostando. Para tornar minha viagem final menos desagradável e poder me certificar que estarei bem onde quer que seja - menos no inferno, pois fogo e livro não combinam do jeito que gosto. - e os livros da imagem acima são apenas sugestões. Já os tenho, mas acredito que estarei morto de vontade de lê-los de novo quando meu trem chegar.

3- Lanternas.


É sempre bom ter uma. Até porque a sete palmos de terra deve ser complicado ler. Um pouco de iluminação será bom, e sei que dificilmente serei enterrado em locais chiques, como um cemitério vertical, contento-me em ter apenas uma lanterna, ou várias. Só peço que guardem apenas no bolso. No bolso da calça.

4- Celular.


Existe uma possibilidade ínfima de eu morrer sem ter morrido. Logo, precisarei pedir socorro de alguma forma. Também existe a possibilidade de eu querer pedir uma pizza no além túmulo, e como não sei se do outro lado existe telefone, melhor prevenir do que remediar. Até porque se a comida de lá fosse boa Jesus não teria voltado três dias depois e saído voando.

5- Minha Esposa.


Os Farós faziam isso, farei também. Se morrer, levo comigo minha esposa. Se ela reclamar, mando enfaixar. Obviamente podem imaginar que existe a possibilidade remota dela ir antes, mas eu digo: impossível. Eu sou gordo, bebo, levo vida sedentaria e faço exatamente o contrário do que pregam os nutricionistas, com certeza cada dia que vivo é que nem o do "Mick Jeguer": uma negação do bom senso biológico.

6- Meu computador.


Nerd que é nerd tem que nerd até do outro lado. Meu computador vai morrer comigo, apesar de atualmente parecer mais que ele vai antes.

7- O Blog.


Não quero ser que nem alguns autores que enriquecem filhos vagabundos depois da morte. Quando morrer, levo comigo meu legado. Meus filhos que criem os deles ou morram de fome. Por sorte não tenho nem filhos nem um legado.

8- Essa postagem.

Preciso dizer mais?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Cuidado com sua postura ao comentar:
A responsabilidade pelas opiniões expostas nessa área é de de seus respectivos comentaristas, não necessariamente expressando a opinião da equipe do Pensamentos Equivocados.