Se tempo é dinheiro, eu estou falido.


Mudei.

Morava em Paquetá até o início do mês e agora, desde Sexta-Feira me transformei efetivamente em Tijucano (aliás, apenas coloquei em prática o que está no sangue, pois nasci lá apesar de ter passado a vida no Méier).

Agora, na fase final da mudança, posso dizer com convicção: dezembro de 2009 foi o melhor pior mês do ano.

Foi o pior no sentido do trabalho que deu, de todo o estresse de ter que me mudar correndo porque Paquetá (ou Alcatraz, dadas as semelhanças) em função da limitação de datas (as próximas mudanças só ocorreriam em fevereiro, porque o caminhoneiro de lá tira férias - direito dele, claro) e da própria ansiedade infinita em relação a carta que não vem.

Mas para resumir isso, copio, colo e atualizo a lista de afazeres de dezembro:
- Empacotar/Encaixotar mudança; - OK!
- Trabalhar até tarde (estou conseguindo adiar todos os clientes extras, de modo que resta apenas os fixos); - OK! Adiei tudo, ainda que alguns não tenha gostado.
- Batizado (O evento, reitero, o resto é tudo cancelável ou adiável e não me importo); - OK! Um sucesso, aguardo as fotos de PK para colocar aqui (ele está viajando);
- Me mudar (a pior coisa de todas, o preço que pago para sair de Paquetá);
- Exame se sangue (não fiz porque passei mal no dia e estava com remédio no sangue);
- Ir na Endocrinologista entregar o exame; - Já era. Não consegui ir, ficou para fevereiro de 2010.
- Resolver natal:
--->Comprar presentes de minha esposa; - OK.
--->Comprar presentes de amigo oculto.
- Resolver ano novo;
- Desempacotar/Desencaixotar Mudança antes de 2010;
- Conseguir cancelar o Claro 3G; - OK! Estou surpreso, foi fácil... Bastou apenas ter alguns meses como mau pagador para facilitar também.
- Concurso - provável convocação;
- Reparar espaço da empresa e ajeitar goteira; Goteira resolvido, em 2010 faço a pintura.
- Vender empresa/Anunciar ao menos; Anunciada e negociando a venda.
- Terminar o primeiro livro da versão 2.0 de Seguidores. - OK!

O pior agora é desempacotar e tirar coisas das caixas, dá muito trabalho, mas o mais estranho é rever objetos que nem lembrava que os tinha e matar a saudade de minhas panelas e louças.

Mobília que veio de Paquetá já está ok.

Entretanto me endividei (demais) pois eu, minha esposa e os demais moradores tivemos que montar a sala, e só em 2010 chegam parte dos móveis. Mas conseguimos eu e minha esposa comprar nossa TV LCD.

E vamos que vamos, que 2010 está na porta e não quero começar ele cercado de caixas.

4 comentários:

  1. Oba, conseguiu vencer várias etapas.
    Agora estou com banda larga da Oi(que está dominando o Brasil).
    Também já me mudei várias vezes na cidadezinha do interior onde morava. O ruím é descobrir onde estão as roupas.
    Já encontrei até dinheiro dentro de caixas que havia esquecido.
    Para nós, gaúchos, é luxo se mudar para o Rio de Janeiro.
    Ainda bem que ajudas tua esposa e não deixas ela trabalhar sozinha na arrumação.
    E "vamo" tocando a vida.

    ResponderExcluir
  2. Claro que dezembro foi o melhor mês.
    Você me viu !
    Quer coisa melhor que essa? xDD

    ResponderExcluir

Cuidado com sua postura ao comentar:
A responsabilidade pelas opiniões expostas nessa área é de de seus respectivos comentaristas, não necessariamente expressando a opinião da equipe do Pensamentos Equivocados.