O onanista revoltado.

Olá povo!

Todos sabem que agora assumi o Cyber Café que antes era do Dragus. Também devem saber que aqui é poço de acontecimentos no mínimo insólitos, repletos dos mais variados personagens. Desde que assumi aqui já vi alguns casos no mínimo curiosos, mas nenhum que achei merecer menção deshonrosa aqui no Pensamentos, entretanto este que aconteceu ontem...

Como já disse antes atendo todo o tipo de público, e aqui não há restrição de conteúdo, pois creio que a ética de cada um defina o que seja adequado ver em um ambiente, de certa forma, público. Mesmo assim muitos não se intimidam de estarem cercados por outras pessoas, até e inclusive mulheres, e acessam páginas de conteúdo adulto, sem a menor cerimônia. Não vou discutir o caráter dessas pessoas, até porque, isso por si só, não define todo o caráter de uma pessoa.

Vamos ao relato:
No dia de ontem um cliente veio até mim e como muitos perguntou quanto custava o serviço, a forma da cobrança e (prestem bem atenção nisso) se fazia impressão, sanei todas as dúvidas do cliente e confirmei que fazia impressão e informei o valor.

Por alguns poucos minutos (que não devem ter passado de dois), o rapaz abriu um arquivo e depois começou a usar a internet. Até ai tudo bem, não fosse o fato de ele tentar desviar o monitor do meu campo de visão, e geralmente quando isso é feito só pode significar uma coisa, ele estava vendo conteúdo pornô. Após confirmar o óbvio deixei isso de lado, afinal, aquilo não me dizia respeito.

Passado um pouco mais de tempo comecei a ouvir sons guturais semelhantes a gemidos bem baixos vindo da direção do já citado cliente, mas não dei importância, afinal ele poderia estar com algum problema na garganta, ou coisa parecida.

Então surgiu na minha tela um solicitação de impressão provinda justamente do pc que o mesmo utilizava. Entendam, aqui quando alguém quer imprimir algo e é um cliente novo, sempre acabam perguntando se faz impressão, confirmo, informo o preço e sempre acabam fazendo alguma impressão. Por conta disso e pelo fato dele haver perguntado previamente sobre impressão, confirmei o pedido, já que o mesmo já havia deixado subentendido que estava interessado nesse serviço, só costumo confirmar com o cliente quando este chega e não anuncia que fará impressão, o que é raro. Outra coisa, quem entende o mínimo de uso de computares sabe bem que é impossível alguém mandar imprimir algo por acidente, acontece sim, de enviarmos o arquivo errado, mas nunca de algo ser mandado para impressão por acidente, pois aparecera sempre um aviso pedindo a confirmação da forma da impressão na tela.

Pois bem, assim que começou a impressão vi que seria um total de sete páginas, até ai tudo normal, inclusive o cliente olha para mim como quem pede uma confirmação de que seu arquivo está sendo impresso. MAS quando vejo o que é exatamente que está sendo impresso me deparo com uma coleção de fotos de "meninas de família" praticando "esportes", se é que me entendem, umas sozinhas e outras acompanhadas. Justante o mesmo conteúdo que naquele mesmo instante estava sendo visualizado pelo desmascarado onanista.

Um típico Onanista em ação.

Ao termino das impressões reuni as páginas e entreguei-as ao onanista, que pegou-as sem nenhuma estranheza... Até que viu a quantidade de páginas.

- Que impressões são essas? - Pergunta o seguidor de Onan tentando desfazer a burrada, mas sem tirar s lhos das fotos das pobres moças - Eu não pedi impressão algum.
- Veio uma solicitação de impressão do computador está usando, senhor - Respondi calmamente.
- Mas eu não pedi impressão, deixe eu ver isso. - Respondeu em tom preocupado já que os outros clientes logo reparam no que estava acontecendo e viram o conteúdo que o mesmo acessava.

Devidamente mostrei a ele a solicitação de impressão vinda do pc que utilizava. Fazendo uma cara de ainda mais preocupado, pois viu que estava errado e havia comprovação, insistiu em dizer que não havia pedido nenhum impressão, eu prontamente mostrei-lhe novamente a solicitação vinda exatamente na máquina que ele utilizava.

- Vou ter de pagar? - Perguntou preocupado em nítido tom de voz e expressão.
- Sim! - Respondi fazendo uma expressão neutra.
- Mas eu não pedi impressão nenhuma. - Disse tentando se safar da própria burrada.
- O senhor quando entrou perguntou por serviço de impressão, e há uma solicitação de impressão da sua máquina, aqui está! - Respondi mostrando a ele novamente a solicitação.

Não vendo outra saído o desafortunado seguidor de Onan paga e sai ,com suas páginas repletas de pobres moças que não possem dinheiro para se vestirem totalmente.

Tudo bem, até ai o fato se resume a um pobre onanista que queria levar uma lembrança para casa, mas esquecerá-se de selecionar o conte´do que desejava, ou simplesmente de algum que tentou se passar por espertinho.


Dez minutos após a saída do onanista, uma antiga cliente adentra e me cumprimenta como de costume, só que ao se acomodar em frente ao computador ela me informa que escada está repleta de fotos de "moças carentes". Estranhando o relato assim que abro a porta vejo que o onanista, como seu último ato de pretensa revolta por não ter caído em sua falsa desculpa, colocou cuidadosamente as páginas degrau por degrau na escada que da acesso a minha loja.

Imediatamente recolhi o material, destruí-o e agradeci a minha cliente elo aviso. Ao saber do fato tanto ela quanto outros clientes presentes enquanto contava o fato em alto e bom som, me deram razão e até mesmo um deles, se revoltou e disse que seria impossível tal coisa acontecer por acidente.

Moral da história: Onanistas de toda a parte nunca tente fazer seus ritos em locais públicos, ou ao menos não tentem levar trabalho para casa sem ter certeza do que estão fazendo, pois poderão pagar e pagar um pouco caro por isso e ainda serem mal vistos.

6 comentários:

  1. Nada contra o ato em si (quem nunca fez, ou faz, que atire a primeira pedra), mas daí a fazer esse papelão...

    Realmente, não há o que não haja.

    ResponderExcluir
  2. Cara, nem falo nada... ainda bem que nem acontece nos meus dias isso... esses punheteiros de merda... vai pegar mulher e fazer isso, ao invez de ficar vendo as pragas na internert fazendo po... auhiiauhauiaiuiauahuahuahuiahuiauih

    Nem sei como eu ia agir em uma situação assim.

    auaiauiahauiiahahu

    ResponderExcluir
  3. Que burro, dá zero pra ele!!!



    Fala sério

    ResponderExcluir
  4. E eu também queria ver as fotos de tamanha safadeza porque, se a criatura não se envergonha de exercitar "seus costumes sexuais" em público, não deveria se envergonhar de ter suas fotos publicadas em um blog.

    E é claro, com a famosa tarja preta para que as crianças que por ventura possam acessar o blog, e ainda inocentes, não tenham que ficar de fente com a falta de moralidade de pessoas assim.

    Pode até não ser conviniente o que disse acima mas, o que penso no momento, digo.

    ResponderExcluir
  5. Um perfeito imbecil o sujeito. Esse deve ser ruim de cama até com ele mesmo.

    ResponderExcluir

Cuidado com sua postura ao comentar:
A responsabilidade pelas opiniões expostas nessa área é de de seus respectivos comentaristas, não necessariamente expressando a opinião da equipe do Pensamentos Equivocados.